As frutas cítricas, como a laranja, o abacaxi e o morango promovem diversos benefícios à saúde, principalmente para formação e manutenção da saúde das células de todo corpo. Essas frutas são ricas em vitamina C, que, dentre outros benefícios, é um componente essencial na formação do colágeno, uma proteína que dá elasticidade e firmeza à pele.

Também é essencial para evitar doenças como o escorbuto, que surge quando existe carência desta vitamina e de grande importância no fortalecimento do sistema imune, ou seja, são muito importantes para evitar doenças e ainda para aumentar a absorção de ferro, ajudando assim a combater a anemia.

Outros benefícios das frutas cítricas envolvem manter uma pele bonita e saudável; ajudar a emagrecer, por terem poucas calorias, diminuir a prisão de ventre, pois são ricas em fibras e melhorar a hidratação do organismo, por serem ricas em água.

Quais frutas são ácidas e quais são semi-ácidas

As frutas ácidas são aquelas ricas em ácido cítrico, que é o responsável pelo sabor meio amargo e picante dessas frutas. Podem ser divididas em dois grupos:

Frutas ácidas ou cítricas

Abacaxi, acerola, ameixa, amora, caju, cidra, cupuaçu, framboesa, groselha, jabuticaba, laranja, lima, limão, marmelo, morango, nêspera, pêssego, romã, tamarindo, tangerina e uva.

Frutas semi-ácidas

Caqui, maçã verde, maracujá, goiaba, pera, carambola e uva passa.

As frutas semi-ácidas têm uma quantidade menor de ácido cítrico em sua composição e são melhor toleradas em casos de problemas estomacais como gastrite ou refluxo.

Frutas ácidas na gastrite e refluxo

As frutas ácidas e semi-ácidas devem ser evitadas em casos de úlceras e crises de gastrite, pois o ácido pode causar aumento da dor quando o estômago já está inflamado. O mesmo vale para casos de refluxo em que há feridas ou inflamação no esôfago e na garganta.

Entretanto, quando o estômago não está inflamado ou quando não há lesões ao longo do esôfago ou garganta, as frutas cítricas podem ser consumidas à vontade, pois além de todos os seus benefícios anteriormente citados, seu ácido também irá ajudar a prevenir problemas intestinais como gastrite e câncer.

Frutas ácidas na gravidez

As frutas ácidas na gravidez podem ajudar a diminuir os enjoos, uma vez que o ácido das frutas estimula a formação dos ácidos digestivos, favorecendo o esvaziamento gástrico. Além disso, estas frutas têm boa quantidades de ácido fólico e vitaminas do complexo B, que são fundamentais para a formação do tubo neural e dos tecidos do bebê.

Nós, da Lightchef oferecemos diversas opções de refeições balanceadas, confira!

Comentário Facebook