É comum exagerar na comida que de vez em quando, principalmente ao sair com amigos ou em datas especiais. Porém, é importante entender que existe uma grande diferença entre compulsão e exagero.

A principal diferença é que muitas vezes o exagero ocorre devido a uma situação específica, como por exemplo, ao sair para comemorar o aniversário de algum amigo em um restaurante com muitas opções, onde devido a empolgação e falta de costume a tanta variedade, você acaba se servindo de mais comida de que precisaria para estar satisfeito, mas mesmo assim come tudo. Já a compulsão é caracterizada pela ingestão excessiva de alimentos em um curto período de tempo, mesmo sem fome, muitas vezes causando uma sensação psicológica pior do que a física, pois a falta de controle quase sempre pode ser notada pela própria pessoa.

Quando esses episódios de compulsão se tornam frequentes, é muito importante procurar ajuda de um psicólogo e de um nutricionista. Pois esse tipo de comportamento quase sempre é desencadeado por algum tipo de emoção ou como consequência de tentativas frustadas de adotar uma dieta muito restritiva.

Porém, algumas atitudes simples podem ser tomadas para ajudar no controle dessa compulsão, como:

  • Controle do impulso – Antes de comer, se pergunte se você realmente está com fome. Ouça seu corpo e entenda o que você está sentindo. Isso vai te ajudar a identificar quais emoções estão te levando a esse impulso e como você pode resolvê-las de outra forma, sem recorrer à comida.

  • Dietas restritivas, nunca mais – Ao restringir muito as opções e a quantidade de alimentos a serem ingeridos, o seu corpo entra em um estado de estresse muito grande, respondendo com um efeito contrário ao desejado, aumentando o seu apetite. Isso ocorre como uma resposta de proteção e sobrevivência, potencializando a chance de que ocorra um episódio de compulsão em um momento de estresse muito grande.

  • Atenção ao comer – Cada vez mais pessoas estão comendo olhando para a tela do celular ou até mesmo vendo televisão, o que pode fazer com que você coma muito rápido e não perceba que já está saciado, desestabilizando os sinais de regulação do apetite do cérebro e aumentando a chance de episódios de compulsão.

Além disso, é importante se respeitar. Entender que ter compulsão não é sinal de fraqueza e sim de que algo precisa ser ajustado. Por isso, procure fazer refeições equilibradas e procure auxílio profissional.

A LightChef disponibiliza diversas opções de refeições saudáveis e equilibradas que podem te ajudar nesse processo de mudança. Conheça os nossos produtos.

 

 

Comentário Facebook